Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PLÁGIO

Plágio, nada mais vil
do que subtrair
dos outros, uma criação...
O ignóbil plagiador
não tem consciência,
se a tem é conspurcada,
É um ser sem inspiração,
Vive à contra-mão da verdade,
Vive num mundo de ilusão,
Na verdade, é um ladrão...
Sem capacidade...
 
O bom da vida são as boas ações
que ficam nas nossas almas
arquivadas eternamente...
guardar mentiras
nesse sacro arquivo,
é ignominioso, uma maldade!
 
Nada mais incoerente
do que ir de encontro à inconsciência
e à verdade,
além de uma improbidade,
é indecoroso e uma indecência...
 
Como é feio roubar a coisa alheia!
Para esses plagiadores
merece uma fétida cadeia!
 
Tarcísio Ribeiro Costa
 
OBSERVAÇÃO:
 
Mas, num país
onde se vende sentença,
e se tem um legislativo enrolado
com alguns membros desonestos,
qual a crença que podemos ter
no cumprimento das leis!
Estou pagando pra ver...
Não vamos fazer "boca de siri"
para não ficar aqui,
com "cara de tacho",
senão seremos cúmplices
do tanto cambalacho...
 
Tarcísio Ribeiro Costa
Tarcísio Ribeiro Costa
Enviado por Tarcísio Ribeiro Costa em 26/09/2007
Código do texto: T669955
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tarcísio Ribeiro Costa
Brasília - Distrito Federal - Brasil
547 textos (37022 leituras)
14 e-livros (613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 04:25)
Tarcísio Ribeiro Costa