Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IDADE DO TEMPO


Tenho a idade do horizonte que te espera,
Porém, sou mais novo que a eternidade.
Tenho os sonhos da sua idade,
Os desafios da juventude,
A paciência da espera pelo amanhã.

Conto os dias que passam,
Mas olho a lembrança do passado.
Conto com o futuro que me deslumbra,
Porém, vivo o presente que hoje chega.

Idade dentro do tempo não se conta.
Vive-se com os olhos no futuro,
Com o passado na mala,
E com o hoje nas mãos.

As vezes as pirâmides são minhas sombras,
A era do gelo ainda me congela,
Os répteis me assustam,
E o próximo planeta me chama pra uma viagem.

Sou passageiro que transita,
Com o bilhete ainda em dia.
O apito do trem anuncia a próxima parada.
Ora eu desço, ora eu embarco.
Conheço vozes e ignoro olhares.

O tempo me convida,
E a eternidade me brinda.
O sol apaga minhas sombras,
A lua me saúda pra sua companhia.

O tempo não passa...
Eu que viajo,
Eu que vivo,
Eu que chamo,
Eu que reclamo,
Eu que amo.



 Di Camargo  06/09/2006

Di Camargo
Enviado por Di Camargo em 27/09/2007
Código do texto: T670632
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Di Camargo
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 66 anos
430 textos (64987 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 10:21)
Di Camargo