Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DELÍRIOS

O meu poema entristeceu
Meus versos vagueiam no ar
A inspiração se perdeu
Naufragou no imenso mar!

Meu ritmo enlouqueceu
A métrica se pôs a voar
A estrofe, exausta, morreu
A melodia ficou a esperar...

O meu coração enrigeceu
Dilacerou-se de par em par
Já nem sei se é delírio meu
E sozinha fico a pensar...

O meu sonho eterno, pereceu
Entregou-se manso, sem lutar
Em incertos passos, arrefeceu
Cumpriu o seu destino, sem lamentar...
Ana Joaquina
Enviado por Ana Joaquina em 27/09/2007
Reeditado em 27/09/2007
Código do texto: T670904

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ana Joaquina de Oliveira Cruz). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ana Joaquina
São Luís - Maranhão - Brasil
573 textos (97182 leituras)
1 e-livros (123 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 22:57)
Ana Joaquina