Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

§§   EU E EU... SIMPLESMENTE    §§




...da vida da qual venho
sorvi muito veneno...
desiludi o sonho
e já morri um pouco...

o que ainda me resta
vou transmutar em luz
e beber devagar,
pra mitigar a sede!


...caminhos já passados,
paraísos mal sonhados...!


baixarei a cancela
sem nenhum amargor...
na determinação
de guardar o que resta...
que um dia já foi tanto
mas, perdeu-se nas frestas...

hei de seguir à frente
e procurar apenas,
ser cada vez mais gente...

...e esse tanto que me resta,
do ser infantil e carente,
beberá da própria alma
proporcionando a calma...
eu e eu simplesmente!


§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§§




Zélia Nicolodi
Enviado por Zélia Nicolodi em 27/09/2007
Reeditado em 12/12/2007
Código do texto: T671325

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zélia Nicolodi
Curitiba - Paraná - Brasil
651 textos (66870 leituras)
15 áudios (1098 audições)
52 e-livros (3506 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 13:30)
Zélia Nicolodi