Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

São tantas as marcas indeléveis no meu coração,
Quantas as belezas da minha vida de amor.
Um dia bateu em mim o vento da desilusão
 E quase tudo na minh'alma apagou.
Ficou o meu viver à mercê da saudade...
Eu pergunto, por que há mais de uma realidade?
Se é indestrutível a verdade!
 
O amor é o sentimento por excelência,
Sem amor a vida perde as suas cores,
Já não sei onde andam os meus antigos  amores,
Não quero viver submisso a um mundo desolado
Quero o amor em mim ressuscitado,
Para não me perder na solidão...
 
Quero os meus olhos com lágrimas de alegria,
Assim o meu coração pulsará forte,
Sentir-me-ei feliz ao não viver na nostalgia,
Resta-me reencontrar o meu norte,
No mundo da poesia.

Tarcísio Ribeiro Costa
Tarcísio Ribeiro Costa
Enviado por Tarcísio Ribeiro Costa em 28/09/2007
Código do texto: T671935
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tarcísio Ribeiro Costa
Brasília - Distrito Federal - Brasil
547 textos (37726 leituras)
14 e-livros (613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:50)
Tarcísio Ribeiro Costa