Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Viandante

     E como um viandante,cujos sonhos,são feitos e  refeitos em cada porto que nossa nau ancora, estamos sempre esperando que em algum lugar,em um porto onde as águas tranquilas e azuis nos aguardam,esteja realmente aquela quem um dia irá partilhar com nossos desejos e nossos sonhos.
    E este amor cantado em versos e em prosas nos dirá que vale a pena acreditar nele,ainda que até encontra-lo tenhamos que aportar  onde a dor e a tristeza sejam as bandeiras deflagradas...
    Ainda assim vale a pena esperar, mesmo que por vezes,solitário no alto de uma montanha, e do alto observar ao longe no horizonte ,ela, montada em um corcel branco,e a lhe dizer que lhe ama.
   E o amor,este amor,tão eterno quanto o tempo,tão verdadeiro quanto a luz e tão puro quanto um diamante cristalino ,fará-me-á não desistir dessa minha procura. Um dia a terei em meus braços,visualizarei teus olhos e sondarei sua alma... seremos pois caminheiros de mãos dadas a buscar e encontrar a paz... e então os anjos em coro dirão amém e suas vozes  entoarão seus cânticos numa voz uníssona a clamar o grande e verdadeiro amor...se não acreditas que existas é porque nunca amou...nunca se apaixonou..nunca se tornaste um menino diante dessa majestade que é o amor
Gilmar Santos
Enviado por Gilmar Santos em 28/09/2007
Reeditado em 19/03/2008
Código do texto: T672534

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilmar Santos
Planaltina - Distrito Federal - Brasil, 59 anos
696 textos (113899 leituras)
53 áudios (5041 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 03:45)
Gilmar Santos