Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pássaro Negro

Na escuridão,
Sombras que lentamente se movem.
Ouço vozes,
Doces palavras faladas em meu ouvido,
E que meu coração comovem,
À frente apenas o desconhecido.

Caminho por entre o nevoeiro pela noite enegrecido,
E de cumplicidade embebido.
Um sussurro, um segredo,
A eternidade... O eterno medo.
Uma suave mistura de prazer e voracidade.

Bebo do teu cálice de prata
O líquido escarlate me sacia e revela
A imortalidade que o pássaro negro na alma carrega.
Com um beijo minha vida ele sela.

No divino breu eu avisto perdido um velho conhecido
Que sobrevive e se esquiva pelo sereno da noite imortal
Onde agora eu também me abrigo.

OBS: poema dedicado ao amigo Kizzy Ysatis!!
Lilith Góthica
Enviado por Lilith Góthica em 30/09/2007
Reeditado em 30/09/2007
Código do texto: T674352

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lilith Góthica
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 34 anos
241 textos (31651 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 08:20)
Lilith Góthica