Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LUAR

By Regilene Rodrigues Neves

A paz do luar me entorpece
Com seu jeito de fascinação
Sinto estrelas vestidas de noite
Circundas amante querendo beijar-te
Aí tão linda, sublime,
Neste espaço teu de poesia!

Fazendo dessa paz, confidencias dos meus versos...
Sublimados, a vós dedicados nesse mágico universo...
Do meu céu, inunda-se, submerso e admirável...
Ostenta-me assim em total transmutação
Esquecendo-me deste mundo perverso.

Fico sonhando mil sonhos neste teu luar
Sonhos meus de amor sob o mar...secretos...imersos
Até esqueço a solidão de tanto sonhar...

Realizo assim minha utopia
De quimeras por tua magia
De posse, então, me rendo, nesta fascinação!

Apenas contemplo a poesia abstrata da tua imagem
Meu olhar, aqui, te sentindo, por trás, voraz como gigante
A me possuir na alma os versos teus!

Tua sombra me abraça
Meu olhar se entrega no teu horizonte de poesia
Por inteira fora minha a lua!

Em 02 de agosto de 2005


regipoeta
Enviado por regipoeta em 05/11/2005
Código do texto: T67486

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
regipoeta
Goiânia - Goiás - Brasil, 54 anos
1312 textos (134432 leituras)
22 e-livros (7176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:58)
regipoeta