Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O QUE HÁ EM MIM

No âmago
Da minha alma
Há um que de
Anjo, arcanjo...
De paz,  plenitude,
Bondade, misericórdia,
Compreensão, calma...
De perdão.

Na superfície
Do meu coração
Há um que de maldade.
Disfarçado em forma de fogueira
E ardente qual brasa,
Às vezes, me dá asas
Para que eu aprenda a voar.
N´outras vezes, corta-me as asas.
Para que eu viva a rastejar.

Não é tão bom - o meu anjo.
Ponderado, inconsequente...
Nem tão mal - o meu demônio.
Consciente, ébrio...

Basta-me
Aprender a domá-los!
Basta-me
Ter o necessário equilíbrio.

Marcos Aurélio Mendes
Enviado por Marcos Aurélio Mendes em 30/09/2007
Código do texto: T675100
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Aurélio Mendes
Jussara - Bahia - Brasil, 52 anos
441 textos (35531 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 21:01)
Marcos Aurélio Mendes