Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO SOU BRITA, NEM SOU BREU

Não
sou brita,
nem sou breu.

Sou a vida.
Sou o front.
Sou o sangue que bebeu.

Não
sou pedra.
Não sou ferro,
Nem o estanho
papel de prata,
que nada sabe,
que nada sente.
Que nada fala,
que nada vê,
e que a ninguém,
nem Prometeu
haverá-lo-ão julgá-lo
Judas tampouco ateu.

Só não entendo
porque atiram-na
no ferro sólido 
pesadas pedras
em quente breu.
 
MANOELSERRAO - SLZ/MA - TRINIDAD - 03.10.2007.



serraomanoel
Enviado por serraomanoel em 05/10/2007
Reeditado em 06/08/2008
Código do texto: T681167

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
serraomanoel
São Luís - Maranhão - Brasil, 57 anos
1502 textos (160834 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 13:34)
serraomanoel