Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LUZES

As luzes acenderam-se no fim do túnel
Mas já havia amanhecido
Pude sentir o cheirinho da brisa fresca irradiar pelos meus poros
Meu coração latente pulsa verossímeis sentimentos
Minha'lma sofrêga, latejando de saudade, dessa sua alma apaixonada
seu semblante triste, denota pura solidão...
Seu abraço fez-me sentir tudo outra vez...
Me dê uma chance!
De lhe mostrar o quanto és importante para mim
Me dê uma chance...
De fazê-lo feliz outra vez!
Não apague as luzes, deixe-as acesas...
Olhe para mim
Como sempre me olhou
Me deixe fazê-lo acreditar que a vida ainda vale a pena...
Arrebente as correntes que te prendem ao passado,
e seja feliz outra vez!
Lívea Messina Nunes
Enviado por Lívea Messina Nunes em 05/10/2007
Código do texto: T681858

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (nome). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lívea Messina Nunes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 39 anos
691 textos (76163 leituras)
3 áudios (523 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 09:54)
Lívea Messina Nunes