Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Óh Pátria

Eu abominei os lares.
Eu abominei o mundo,
oh mundo imundo.
Sou agora um vagabundo,
imundo.
Eu te abominei,
oh minha pátria,
terra sem mãe, terra sem lei.
Quando vi morrer os pequeninos
eu te abominei.
Eu te abominei
sem pena.
Eu te abominei
sem dó.
Eu te abominei e só.
Eu te abominei
oh pátria,
sem saber que tu choravas,
sem saber que tu morrias.
Tu morrias sim.
Tu morrias pela pobreza,
tu morrias pela tristeza,
mas ainda és alteza
tu não terás fim.
Adriana Grivot
Enviado por Adriana Grivot em 08/10/2007
Código do texto: T685812

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Adriana Grivot
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
44 textos (13432 leituras)
1 e-livros (54 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 18:12)
Adriana Grivot