Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"O Fundo do Poço"

Em queda livre,
Impaciente, espero o impacto duro
O poço vai ficando mais escuro
A luz do dia mais distante
O medo da dor, inquietante
O cheiro de mofo crescente
A esperança, declinante
A consciência pesando pelo sonho desfeito
E o ar vai ficando rarefeito
O fundo pode estar muito perto
Mas nunca se sabe ao certo
É impossível saber a hora
Pode ser hoje, amanhã ou agora
Então, como é inevitável cair em desgraça
Vou tomando, desgraçadamente, as minhas cachaças.

Zeca Devebec
Enviado por Zeca Devebec em 08/10/2007
Código do texto: T685820

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zeca Devebec
São Paulo - São Paulo - Brasil
77 textos (4917 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 05:33)