Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORAO


de susto
pra nao dizer de impromptu
abri o porao de la' em casa
chaves oxidadas e teias de aranha
busto
retrato petrificado no canto
no conto
no mais santo
pulsava a memoria amarelecida
todos os vermes no album de retalhos
e a vida vinha
a vida vem
alem
dos tratos e tralhos
estabelecida
passado com asa
e o sonho na rima por facanha
no porao se esconde a inteira saudade
a universidade
que a humanidade
acredita que ganha

Genin
Eugenio Malta
Enviado por Eugenio Malta em 09/10/2007
Código do texto: T687173
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eugenio Malta
Estados Unidos, 72 anos
199 textos (6380 leituras)
16 áudios (1272 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 22:37)
Eugenio Malta