Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ABANDONO

Como se a vida me deixasse de lado
Sinto-me hoje só e abandonada,
Perdida nas minhas idéias,
Sacudida por soluços vãos,
Como se nada me bastasse.
Acaso eu não teria desistido da vida?
Persisto em buscar o que não posso ter,
Construindo sonhos irrealizáveis,
Esquecida de simplesmente viver
E apenas isso.
Perco-me na saudade, nas lembranças
De momentos perdidos,
Cultivo o passado esquecido,
Meu paraíso em algum lugar encantado,
E ainda assim nada me basta,
Nada me preenche ou me aconchega.
Lá fora há tanto movimento
E eu aqui, prisioneira dessa melancolia,
Agarrada a uma solidão
Que me torna apática,
Como sendo eu presa fácil
Das armadilhas do destino,
Que me sucumbem a esse
Interminável desaconchego,
Como se nunca chegasse o fim
E eu nunca encontrasse o começo!


By Denise Nogueira, em 09/10/2007
Despecial
Enviado por Despecial em 09/10/2007
Código do texto: T687600
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Despecial
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
352 textos (17295 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 06:58)
Despecial