Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Espera...

Mais uma noite escura, fria e insensível.
O vazio que habita em mim,
O meu amor não está comigo.
Eu o amo ele me ama,
Eu o desejo ele me deseja.
Pensamentos diversos...
Lágrimas caem alheias a minha vontade.
Ah! Como eu queria estar com ele agora,
Olhando dentro dos seus olhos,
Tocando a sua face.
Sentindo o toque doce e firme de suas mãos percorrendo o meu corpo,
Ouvir o som de sua voz sussurrando aos meus ouvidos palavras que me fazem delirar.
O doce gosto do seu beijo,
O calor do seu peito.
Deixar fluir todos os nossos desejos,
Toda a nossa libido.
Fazer com que ele sinta que é meu homem dentro de mim,
Sentir todo o nosso prazer na fala dos corpos.
A revolta me invade.
Porque não posso ter o meu amor comigo?
Porque ele não vem?
Sua ausência me fere, doí em minha alma,
A dor é descomunal,
Enlouqueço.
Paro!
Me contenho.
Ele virá...
Eu sou dele e ele é meu.
Está escrito nas estrelas,
Vou esperar!

***
Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 08/11/2005
Reeditado em 08/11/2005
Código do texto: T68905

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146143 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:08)
Dama De Negro