Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

*AMOR ARTESIANO*

******************
VEM AMADA MINHA!
VEM AGORA, FAZER NESTE PERNOITE,
MEU RIACHO TRANSBORDAR DE AMOR.

A VIDA É UMA REALEZA,
TAMANHA NOBREZA DO SEU CORPO EM MIM,
AMADA CHEGADA, CREIO EM TI.

ESTE AMOR CORPÓREO,
EU CORRUPTOR TÃO CORTÊS,
EM SEUS BRAÇOS A AMAR.

VEM AMADA MINHA !
VAMOS MATAR A SEDE,
DEITAR NA REDE,
DEIXAR FLUIR O AMOR.

AMOR ARTESIANO,
LENÇOL SUBTERRÂNEO,
ARTERIAL PAIXÃO.

TÃO MAMBEMBE EU ERA,
SEM SUA RESIDÊNCIA.

APRENDI A AMAR,
ESTE AMOR COMPACTADO,
A ME SUBLIMAR.

AMOR DOCE ENVOLVIMENTO,
EU ATINADO,
ATRELADO NO MAGNETISMO,
MUITO TENHO TE AMADO.

VEM AMADA MINHA!
MAPEAR MINHA VEREDA,
SABOROSO PRELÚDIO,
MINHA SINFONIA,
ESTOU A SUPLICAR.

AMADA MINHA !
TÃO ARDENTE , FÊMEA, MULHER,
MINHA FILIGRANA,
VEM LER MEU CORPO, CIGANA.

AZUL SAFIRA,
SUA SAVANA CENÁRIO A ME ASSEDIAR,
TORPEDIADO ESTOU EM SEU CORPO,
A GRAVITAR.

AMOR MEU SOBERANO !

SAM MORENO
Enviado por SAM MORENO em 12/10/2007
Reeditado em 16/06/2012
Código do texto: T690897

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
SAM MORENO
São Paulo - São Paulo - Brasil
610 textos (61778 leituras)
3 e-livros (275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 06:47)
SAM MORENO