Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

               DOLCE DE ESPÉCIE

DOCE D'ALCÂNTARA,
DOCE DE ESPÉCIE,
DOCE DE PEDRO[I],        [D.PEDRO I]
DOCE DO REGENTE IMPÉRIO.

DOCE, DOCE,
DOCE DE LEITE E CÔCO.
DOCE DE ESPÉCIE,
DOCE DE CRAVO DOCE.

DOCE, DOCE,
DOCE D'LENHA AO FORNO.
DOCE NO TACHO,
DOCE NO PONTO AO FOGO.

DOCE, DOCE,
DOCE DE ESPÉCIE
DOCE EM PROSA E VERSO
DOCE DE AMOR GOSTOSO.

DOCE, DOCE,
DOCE DE ESPÉCIE,
VÊ SE VEM MEU DOCE
QUANDO O DOCE DA VIDA EU PEÇO!

SERRAOMANOEL - SLZ/MA - TRINIDAD - 12.10.2007.
serraomanoel
Enviado por serraomanoel em 12/10/2007
Reeditado em 14/10/2007
Código do texto: T691267

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
serraomanoel
São Luís - Maranhão - Brasil, 57 anos
1502 textos (160984 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:42)
serraomanoel