Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PEDAÇOS DE MIM XXXV

 
Voei alto...
De tudo e todos distante,
adormeci em seus sonhos
no ópio da paixão.
 
Retalhei o tolo coração
nas navalhas frias,
da sua falsa ilusão.
 
Sangrei o corpo
na embriaguez do momento,
voltei ao asfalto
perdida no tempo...
 
Acordei na escuridão vazia,
com emoções fragilizadas
num silêncio em disfasia.
 
A vida segue adiante...
 
Descobri a duras penas
que o amor é coisa pouca,
na sua alma pequena...
 
28/09/2007

Anna Peralva
Enviado por Anna Peralva em 14/10/2007
Reeditado em 05/12/2009
Código do texto: T693671
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Peralva
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1582 textos (61650 leituras)
3 e-livros (572 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 09:38)
Anna Peralva