Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Preciso deste amor.


Preciso deste amor.

Preciso amar não! Não mais ninguém.
Estar livre e deixar as amarguras.
Eternizo na memória seu amor
A maravilha do estar com alguém.

Um sentimento desigual maior que tudo.
Que faz render nossa alma e coração.
Mesmo sabendo que se chega ao fim
Alterna-se a dor que não passa...

Estou só. Procuro me sentir mais e melhor.
Não! Não consigo reunir formas forças.
Desequilibro meus instintos e formas de lutar
Mas preciso alternar bons e maus sentimentos.

Se a ausência causa solidão. O remédio a espera.
Meu coração busca paz que não localizo.
A maneira simples. Retorno em memória você.
No momento da feliz presença da ausência.
Sou feliz em lembrar você.,

O coração dita. Para que alma reflita.
O lápis rascunha. O computador edita
E eu ou nós publica(amos) Palavras e ou. . .

ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA
Enviado por ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA em 14/10/2007
Reeditado em 15/10/2007
Código do texto: T694311
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (elio candido de oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA
Ibiá - Minas Gerais - Brasil
4102 textos (160063 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 13:16)
ELIO CANDIDO DE OLIVEIRA