Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ralo da Morte

Eu quis ser
seu próximo passo.
Fiz sonhos de arte,
de flores,
estradas
de veludo carmim.

Guerreira,
briguei bastante, demais,
por seu amor
em meio aos córregos,
lagos e céus.

Arremessaste longe
esse amor.
Calou fundo na alma.
Toda gente chorou...
e minha alma,
como um traste,
um lixo,
por pouco
não naufragou
no ralo da morte eterna...
Maria
Enviado por Maria em 15/10/2007
Reeditado em 16/10/2007
Código do texto: T694729
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4774 textos (193205 leituras)
1 e-livros (117 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 04:09)
Maria

Site do Escritor