Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MINHA PALAVRA É O TEMPO

MINHA PALAVRA


Minha palavra é o tempo
Gastada nos moinhos de horas.
Sendo, agora
Se posta como templo.

Minha palavra é o tempo
Canoa, rio afora.
Sebo, tudo mora,
Catedral de pensamentos.

Minha palavra é o tempo
Tempestade, bruta senhora.

Minha palavra é o tempo
Galopando, mártir em chama.

Minha palavra é o tempo
Retórica, desencontro.

Minha palavra é o tempo
Besta, ao centro.

Minha palavra é o tempo
Intuição pura.

Minha palavra é o tempo
Cores desses teus olhos, cego.

Minha palavra é o tempo
Dentro e aflorar.

Severino Filho
Enviado por Severino Filho em 15/10/2007
Código do texto: T695668

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Severino Filho
Salgadinho - Pernambuco - Brasil, 40 anos
285 textos (16646 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 03:38)
Severino Filho