Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Janela



Suas grades não me prendem mais
Perderam a força
Eu pude ver pela janela!
A visão da vida que eu não podia

Cansei de ser a escada.
A ponte que usou,
Pra chegar até aqui,

Tudo muito cômodo
Enquanto meus sonhos
Ficaram na gaveta da cômoda
Esquecidos e empoeirados.
Junto das antigas fotografias
Que ando ensaiando pra queimar!

Tudo muito justo
Dentro do padrão
Que você estipulou pra minha vida!
Eu não!

Mas com licença,
É que eu já me sinto isenta
 Dessa dura pena de submissão
A liberdade me espera e eu vi pela janela.
Mas ela, ela não me espera.


Cristhina Rangel
Enviado por Cristhina Rangel em 16/10/2007
Código do texto: T697393
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristhina Rangel
São Paulo - São Paulo - Brasil, 47 anos
1085 textos (27989 leituras)
19 áudios (660 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 04:28)
Cristhina Rangel