Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E agora?



Resta a dor para os olhos tristes,

O lamento para as almas cansadas,

As impensáveis dores para os corações,

O desespero para os fracos ou não,

O advir e o vir para todos.



Resta um pouco de esperança,

Ela não abandona quem espera,

Não trai quem confia,

Não modifica quem é,

Não preenche o vazio, esvazia.



Resta o gosto, o poço,

O banho em ações,

Causas e respostas,

Perguntas e vis-à-vis,

Ser futuro e ser presente.



Resta o redemoinho,

Entrar no eixo,

Ser o seixo de uma parte,

Igual ao partilhado

Em constante devir.



Resta o giro,

O sorriso,

O grito,

A clareza,

A escuridão.



Resta o encontro,

O silêncio para a viagem,

A dimensão de um

Sendo quem é

Na promessa a si mesmo.
Eliane Alcântara
Enviado por Eliane Alcântara em 19/03/2005
Código do texto: T7001
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Eliane Alcântara
Lajinha - Minas Gerais - Brasil, 43 anos
177 textos (8649 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:33)
Eliane Alcântara