Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENCANTO

ENCANTO

No entrocamento da forquilha,
no ápice de uma bela árvore
cujo nome, eu acho, é lanterneira,
que enfeita uma pousada em Friburgo,
um passarinho fez um ninho
que oscilava com o vento.
Da pequena ave eu não sei o nome
mas conheci muito bem o seu lindo trinado,
pois insistia em gorjear graciosamente para mim.
E, assim, diariamente me encantava,
de manhãzinha quando ouvia que me chamava
abria a janela para retribuir o bom dia,
cujo sol ainda frio trazia.
E ela, lá do alto
entoava o seu canto
que, como encanto,
enchia o meu peito de alegria.


PUBLICADO NA ANTOLOGIA DE ESCRITORES BRASILEIROS ...E AUTORES DE PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA - POESIAS, CONTOS E CRÔNICAS - 5ª EDIÇÃO - 2007 - EDITORA RICARDO ALEPH DE BENEDICTIS - RB EDITORA.

Mario Rezende
Enviado por Mario Rezende em 11/11/2005
Reeditado em 13/02/2008
Código do texto: T70043

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Mario Rebelo de Rezende). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
689 textos (50924 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:38)
Mario Rezende