Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O TEMPO

Comprei um relógio para ver o tempo passar.
De encontro em encontro os ponteiros sumiam,
se encontravam, davam adeus e voltavam a se ver
como amigos que há muito não se viam.


Comprei uma ampulheta.
Coloquei-a de pé e passei a olhar a areia que escoava,
imaginei desertos e camelos e oásis e safaris e Áfricas
e elefantes que guardam na memória o tempo que se foi.

Comprei um cronômetro e passei a medir o tempo
de tempos em tempos.
O tempo entre os tempos que havia medido
não contava como tempo vivido
e porisso nem como tempo usado.
Portanto, encurtei o tempo para prolongá-lo.

Por fim, como o tempo é algo que depende
de como se vive e quem vive dentro dele,
comprei uma deliciosa e macia rede
e deixei o tempor correr, se é que me entende.


 
Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 19/10/2007
Reeditado em 19/10/2007
Código do texto: T701327

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Orivaldo Grandizoli). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
7331 textos (106730 leituras)
1 áudios (10 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:24)