Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O amor não morre apenas adormece


   E ela,bela,sensível,com todos aos seus pés onde andarás..
   Com certeza,com seu belo sorriso,vivendo outros sonhos...
   E a felicidade com certeza,batendo sempre a sua porta...
   O passado ,passou,e ela não olha mais para trás...
   E ele não mais tem com quem dividir,suas musicas...
   Preparar com amor o  jantar e espera-la...
   Olhar o relógio,contando os minutos para ela chegar..
   Preocupar-se em esperá-la no ponto de onibus...
   Ve-la ir para o banho,sentir seu cheiro...
   Ligar e saber como foi seu dia..suas preocupações..
   Cuidar de suas roupas,olhar e admirar sua beleza
   Fazer a casa brilhar,para que ela brilhasse ainda mais
   Tirar fotos dela e admira-las com tanto amor...
   Orgulhosamente mostrar a todos com orgulho...
   E meus sonhos foram esfacelados e dispersos no ar...
   E o telefone por vezes toca, o coração dispara....
   É preciso deixar para trás , o que não mais é meu...
   Mas, a vida continua, o sonho acabou,mas não morreu...
   Um amor tão grande não acaba,apenas adormece...
   E fica como plumas ao vento, um dia irá pousar...
   Verdadeiro como sempre foi,real como a luz...
   Esperando...Crescendo...Fortificando...Só....
   E é pena que por vezes só o amor por si só não basta
   Ele é abstrato,porém real,não enche barriga,só o coração
   E nem sempre o coração está pronto para recebe-lo...
   Nos tornamos moeda de troca nas mãos de outros...
   O amor quando existe de fato, ele por si só, se basta
   E enfrenta o mundo, as pessoas,e nos faz ressuscitar
   Desta morte das decepções a quem o direcionamos
   Não aceita opiniões de quem não sabe o que é amar...
   Mas não estou triste,magoado,estou com uma imensa paz..
   Pois quando se amou como amei,a vida já valeu a pena
       
      Gilmar manhã de sábado  20 outubro 2007
   
   
   
   
Gilmar Santos
Enviado por Gilmar Santos em 20/10/2007
Reeditado em 17/03/2008
Código do texto: T702057

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilmar Santos
Planaltina - Distrito Federal - Brasil, 59 anos
696 textos (113923 leituras)
53 áudios (5041 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 08:37)
Gilmar Santos