Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUEM SABE...

Tarcísio R. Costa
           
                  
Quem sabe...
Se hoje a brisa morena do anoitecer
não venha à minha face acariciar
e palavras de amor ciciar,
prenunciando sonhos de amor!

Quem sabe...

Se nesta noite, nos meus sonhos,
não virás me dizer a expressão
o que mais quero ouvir:
- Eu te amo


Quem sabe...
Se amanhã, ao romper da aurora,
eu não acorde, pensando nos teus carinhos!

Quem sabe...
Se da janela do meu quarto, no amanhecer,
não ouça os passarinhos,
Como se estivessem a comemorar
 o meu sonho!

Quem sabe se o meu sonho
não seja a antevisão de uma realidade!

Tarcísio R. Costa
 
Tarcísio Ribeiro Costa
Enviado por Tarcísio Ribeiro Costa em 20/10/2007
Código do texto: T702367
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tarcísio Ribeiro Costa
Brasília - Distrito Federal - Brasil
547 textos (37013 leituras)
14 e-livros (613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 10:40)
Tarcísio Ribeiro Costa