Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O envelope

Havia um envelope caído
no chão da cidade chuvosa.
Desenhado em tijolinho,
se deixou ficar sozinho
na correnteza do meio-fio.

A água e o vento eram fortes,
mas não moviam o envelope de tijolo,
que fez sentir-se um cego tolo
o espectador que de sua janela observava,
ao sair e deparar-se com um mero papel.

Não sabia se era tijolo
e com o toque se amoleceu
ou se foi o envelope desde sempre papel.
Mas sabia que as palavras nele eram de um réu,
cuja vida a um só juiz pertencia.

Era leve, pôs no bolso.
Era ele agora o dono,
o escritor déspota colono
que escreveria o que quisesse
naquele papel de tijolinho.
Marcelo Maio
Enviado por Marcelo Maio em 20/10/2007
Código do texto: T702611
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Maio
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 31 anos
154 textos (3150 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 11:02)
Marcelo Maio