Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O MUNDO DOS SONHOS

               O MUNDO DOS SONHOS

Sentado sobre meu tapete mágico
voando sobre campos e florestas,
vejo toda natureza em festa,
onde a vida simplesmente é algo prático...

As cidades são harmônica e ordeiras,
onde os jovens andam livres pelas ruas
e as casas onde moram, já são suas
e tem a paz simbolizada nas bandeiras...

Os rios preservados, são potáveis
e os peixes existem em abundância...
Entre os seres predomina a tolerância
e os soldados nos são sempre tão amáveis...

De repente sou um pássaro na floresta
e vou cantando  pelo mundo sua beleza...
Onde ando, vejo todos na riqueza
e regidos pelo som da mesma orquestra...

Vou ao horizonte, ajudar o Sol nascer
e com as nuvens saio despejando a chuva,
vamos molhando as parreiras e as uvas
e fico vendo cada semente crescer...

Acompanho as seriemas no serrado
e nadando com os patos na lagoa...
Nos domingos para não ficar atoa,
eu a procuro para ser seu namorado...

Sou abelha pra pousar em cada flor
e voar sobre o jardim na primavera...
Sou uma águia vigiando toda terra,
evitando que se espalhe nela, a dor...

Sou a luz que aquece toda  vida
e com as plantas vou fazendo a fotosíntese...
Este mundo e o real é uma antítese
que no sonho ganha força e glorifica...

O amor está presente em toda parte
e o governo, é uma democracia absoluta...
Neste mundo nossa lei é sempre justa
e o trabalho é tratado como arte...

Lá se brinca de errar com as crianças,
pra ensiná-las a não ser quando crescer...
Sem maldade todas podem perceber
que a melhor arma, ainda é a confiança...

Neste mundo de poderes absolutos
onde o deuses somo nós, seres humanos
Não se abusa destes dons de soberanos
e nas gramáticas não existem anacolutos...

Desenhado para quem ama a inocência,
este mundo virtual é democrático...
É a força de Deus em modo prático
mostrando-nos da vida, sua essência...

Ele nasce na mente do poeta
e se expande nos sonhos de quem ama,
de quem ouve quando o coração lhe chama
pra mostrar o céu de porta aberta...

Para ir além das fronteiras da razão,
sem as amarras e o peso da matéria...
Este mundo dos sonhos, é uma quimera
que Deus nos lega a autonomia da criação...
Jacó Filho
Enviado por Jacó Filho em 22/10/2007
Código do texto: T704914
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jacó Filho
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
3430 textos (290567 leituras)
1 e-livros (294 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 21:01)
Jacó Filho