Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SANTO PUTEIRO

Na mira da minha pistola
à laser
engruvinhados seres
de paletó e gravata,
enlatados poderes
que um dia acabarão
por porem abaixo
o imenso balaio
por corrosão.
De solslaio a ira coletiva
em pensamento mira
o cofre das ilusões
de todos esses peões
metidos à bispos
carregando ciscos
como formigas famintas.
Não minta
à idéia de mudança,
não trançe a vã trança
por nenhuma Julieta,
não consinta
que ainda dure
ou que perdure
esse cheiro de pântano podre
pois confundiram os odres
e beberam
a poção da santa maldade
por essa inumana beleza.
Não acordem quem dormiu cedo
pois ainda não é tarde
para despertar
o dragão da vontade
nesse santo puteiro.

Preto Moreno
Enviado por Preto Moreno em 23/10/2007
Código do texto: T706808

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Orivaldo Grandizoli). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Preto Moreno
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
7448 textos (107653 leituras)
8 áudios (72 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 08:26)