Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto









“VOZ DO INCONSCIENTE”.

               

 

 

 

 

No meu sonho, os sonhos juvenis,

Que me mostrava uma vida distante,

Um acontecimento por vir...

Sonhos que por vezes aconteceram;

Aqueles sonhos férteis, imaginários,

Quase sempre sem dormir...

Pensando de olhos fechados

Às vezes pensando em alguém

Que penetrou no meu peito...

Noutras pensando em ninguém

Só descansando no meu leito;

Uma voz no inconsciente

Que às vezes me dá medo,

Pensava ser voz do alem

Não era voz de ninguém...

Gritos dos meus íntimos segredos;

Meu mundo quieto e deserto

Meus olhos entreabertos...

Meus lábios secos e quietos.

Pensamentos impertinentes

De um pobre jovem inocente

Um adolescente pacato...

Que do amor um aprendiz

Desconhecendo tais fatos.

De tanto apanhar do amor

Este jovem sonhador...

Tornou-se um homem sensato.







 

 

 

 

 

Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 24/10/2007
Código do texto: T708368
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Áudio
"VOZ DO INCONSCIENTE". - Antonio Hugo
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Antonio Hugo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 60 anos
3911 textos (261310 leituras)
185 áudios (36393 audições)
9 e-livros (7425 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/17 09:00)
Antonio Hugo

Site do Escritor