Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MUITO SANTO PRA POUCO MILAGRE

Agora decidi, quero ser santo,
Sacrificar-me, ser um altruista,
dar a face, derramar o pranto,
carregar a cruz do egoista.

Com minha autoridade eclesiástica,
Indultarei iníquos e hipócritas,
e, aos que levam vida drástica,
Darei o paraíso e virtudes sólitas.

Viverei sem vaidade, com recato,
levarei a sério o celibato,
no máximo uma masturbação,

Ao dia, jejum, à noite, reza,
porque todo santo que se preza,
leva a sério sua beatificação.
Luiz Gonzaga Leite Fonseca
Enviado por Luiz Gonzaga Leite Fonseca em 13/11/2005
Reeditado em 17/10/2012
Código do texto: T70848
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luiz Gonzaga Leite Fonseca
São Paulo - São Paulo - Brasil, 2015 anos
30 textos (1895 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:49)
Luiz Gonzaga Leite Fonseca