Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Era linho e nada havia
Eram cores e nada existia
Era carvão e nenhuma forma
Surgiu então o Desejo
Ele tomou o carvão
Sobre o linho criou luz e sombra
O Desejo desejou mais
Tomando as cores fez céu e mar
Fez florestas e montanhas
Ipês coloriram a mata
As ondas do mar tornaram-se gigantescas
Então o Desejo achou bom criar a tempestade
E dividiu o céu em sereno e impetuoso
De uma parte a lua, de outra, o sol
Então não havia naus e logo o Desejo criou
Pois considerou que deveriam existir
Trabalhou por tempos e mais tempos
Mas a medida das horas não Lhe importava
Todo o linho impregnou-se do desejo do Desejo
Refazia-se o universo novamente...
Rose Stteffen
Enviado por Rose Stteffen em 25/10/2007
Reeditado em 23/04/2011
Código do texto: T708807
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Rose Stteffen). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rose Stteffen
São Paulo - São Paulo - Brasil
1305 textos (175753 leituras)
11 áudios (1620 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 03:44)
Rose Stteffen