Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FASES

Inevitável metamorfose interna que me extrapola,
Que me consome e reconstrói, depois assola
Em patamares indiscriminantes sem fim...
Menina, moça, mulher...até planar minha existência
Nos trilhos da sabedoria algóz que não se reverte no tempo
E cobra cada vez mais de nós no seu devido momento
Sem deter o destino em mutantes, constantes sentidos...
Reversos em dores e sorrisos, amoldando a ferro e fogo
Contra a correnteza que cai sobre os ombros
Abrindo trilhos em meio a escuridão em labirintos,
Desvendando os mistérios do meu coração quase insípido
Diante do espelho que os anos transforma
Perante o dilema da consumação que desolação
Do pó à terra que constrói o alicerce para o chão
Alçando vôos mais longos e profundos n'outros mundos
Eternizada pela fé científica da razão
Que nos emancipa na realização.
Mônicka Christi
Enviado por Mônicka Christi em 25/10/2007
Reeditado em 12/07/2008
Código do texto: T708895
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mônicka Christi
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1344 textos (25457 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 04:10)
Mônicka Christi