Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ADEUS...

Indiferente demoro-me no adeus
A sombra da saudade  que fui eu
E solitariamente para o além;
Levo tristeza e amargura n'alma
Sobre as falsidades e pseudo-amizades
Que tentaram me destruir...
Não quero lembranças dessas dores,
Mas esquecer este pântano de horrores
Pra voltar livre de tantos desamores,
Em laços de sangue e dissaboress
Que tenho dentro de mim...
Porque ninguém sabe as feridas que trago abertas
Dilacerando minh'alma gritante de dor
No silêncio da solidão extensa e absoluta
Que me acompanha desde os passos pueris...
Quero recomeçar com nova chance
De viver livre e ser feliz.

(Faz parte do livro meu livro "Solitariedades")
Mônicka Christi
Enviado por Mônicka Christi em 25/10/2007
Reeditado em 12/07/2008
Código do texto: T708908
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mônicka Christi
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1344 textos (25349 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:13)
Mônicka Christi