Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu V˘o Ú Diferente Do Teu

Não fique preocupado.
A inspiração
não expirou completamente.

Tentou morrer...
Tentei matá-la...
Sobreviveu...
Como eu...

E agora andarilha
dentro em minha alma
em busca de uma saída.

Uma só.

Para explodir
em cores e luzes
através de minhas palavras...

Mas quase consegui matá-la.
E para tentar voei.
Foi o silêncio o culpado
pela minha revoada.
E voei para longe.

Busquei um ninho
doce e terno
onde sentar minhas penas
e descansar minhas asas.

Não sei se compreendes,
afinal há uma diferença
entre o meu vôo e o seu.

Meu vôo ruma para o infinito,
para o pico da montanha azul.
Lá fiz meu ninho
e de lá não quero mais sair.

Nem que os ventos
das tempestades
açoitem meu corpo,
lá quero ficar...
no costado
da montanha azul...
onde fiz meu ninho...

clandestino ninho,
invasor,
foragido do mundo...
meu ninho...
bem no coração,
da montanha azul...
Maria
Enviado por Maria em 25/10/2007
Cˇdigo do texto: T708959
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4776 textos (193327 leituras)
1 e-livros (117 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 24/10/17 04:07)
Maria

Site do Escritor