Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O amor nunca morre

Pétalas de rosas caídas cobrem o chão
E o vento forte não cessa de soprar
Gemidos são escutados a quilômetros
Da dor que corta e esfacela
Peço humildemente a Deus que me guie
Pelos campos longínquos, pela noite duvidosa
Pelo amanha que floresce junto ao orvalho
Pelos obstáculos da vida para que nunca me desvie
Da verdadeira luz do amor e da amizade
Para que ao cair eu levante
Para que quando estiver ferida e dolorida
Eu me torne ainda mais forte
Para que a estrela maior
Brilhe com toda a intensidade e maestria
Para que todos os cantos da terra saibam
Que o amor nasce daquele pequeno broto
Daquele detalhe de vida e respeito
De idas e vindas, erros e acertos
Daquela constância cultivada
E que apenas o verdadeiro amor supera
Os vendavais que destroem
As tempestades que inundam
Os olhares que reprimem
E o destino grande entendedor dos nossos caminhos
Sabe que tudo tem sua hora e dia
E que um amor não morre jamais.
shadowcat
Enviado por shadowcat em 25/10/2007
Código do texto: T709969

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
shadowcat
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
16 textos (1080 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 19:33)
shadowcat