Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Intemporal

Que o objeto do meu desejo
colha orvalho com a própria língua
e, num ardente beijo,
não me deixe morrer à míngua.

Suscite as estrelas cadentes
adormecidas em meu colo
e, com olhar quente,
faça do amor mais que consolo.

Provoque toda a alegria
das sílabas abraçadas em rimas.
E no caminhar dessa poesia,
a vida renasce e se ilumina.

Flor da Pele
Enviado por Flor da Pele em 26/10/2007
Reeditado em 26/10/2007
Código do texto: T710637
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Flor da Pele
Toledo - Paraná - Brasil
92 textos (3257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 19:19)
Flor da Pele