Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MULHER NATUREZA

Autora: Regilene Rodrigues Neves

Tu eras como a relva
Molhada traduzindo beleza
Escorrendo prazer
Que o meu querer era o teu ser

Tu queria
Tal qual o sol
Luzindo carícias
Pele contra pele
Que expele renúncia
Viajo
Minha imaginação
Pôr caminhos que me entrego
E me apego em êxtase
De um corpo sedento de ti

Meu pensamento
Vive desse momento teu
Nua
Tal natureza concebida
Meus olhos atreviam
Viam teus seios perfeitos
Como as montanhas
Ás vezes estranhas
Por tragar nas entranhas
O veneno estranho da sedução

Tão bela te via
Qual fascinação de uma deusa
Que os céus de estrelas perfeitas
Sucumbia-te em veneração

Tu eras como o mato verde
Cheio da minha esperança
A natureza descrita em perfeição
Tanto
Nela te deitava em pensamento
E expirava teu cheiro
Embriagando m’alma
Respirando louca paixão

Tu se compunha de natureza
Tuas partes integradas
Transpunham os céus
As nuvens
O sol
O luar
O mar
A relva
A fera que veio me encantar
Pra te lembrar
Tenho a paisagem
Para eternizar!

Criada em 15/03/1991



 
regipoeta
Enviado por regipoeta em 14/11/2005
Código do texto: T71226

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
regipoeta
Goiânia - Goiás - Brasil, 54 anos
1312 textos (134353 leituras)
22 e-livros (7176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:21)
regipoeta