Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SIMPLESMENTE MULHER

O tempo passa
mas ainda guardo comigo
o riso suave das manhãs de domingo
Da casa cheia de gente
da mãe cozinhando
no prazer do seu silêncio
Das irmãs querendo tanto atenção
quanto eu
Do jeito simples de ser família
Cresci,
ganhei e perdi
coisas que a vida com o tempo explica
eu que tão bem sei esperar
aguardo o momento de entender
por que as lembranças de mulher
são tão diferentes...
me vejo em cada mulher ao meu redor
a que me deu vida, um coração
as que me ensinaram letras e versos
as que vigiaram meu sono
as que me aproximaram de Deus
ou que vieram ao meu encontro
e as muitas que juntaram meus pedaços
São lembranças de família,
de amizade sincera,
de uma correção necessária,
de quando não havia mais ninguém por perto
Esse jeito natural que a mulher tem
de cuidar, proteger e amar...
Mulheres que foram em muitos momentos
de minha vida o meu espelho
e fazem parte do que sou,
simplemente eu,
mulher...
Cláudia Sabadini
Enviado por Cláudia Sabadini em 14/11/2005
Reeditado em 06/03/2009
Código do texto: T71356
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cláudia Sabadini
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil
280 textos (29934 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:33)
Cláudia Sabadini