Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0192 - Preciso de amor



Preciso de asas e luzes nos meus caminhos,
estou escuro e muito frio por dentro,
todos os silêncios maltratam o corpo,
cortam em pedaços os meus amores.

Preciso de pernas muito longas,
correr, correr muito do desprezo,
das bocas que calam quando os olhos voltam,
dos pés doloridos que não me deixam adormecer.

Preciso de uma paixão que me mate,
e, também, queime velhas flores ressecadas,
deixem exalar o perfume do meu passado,
que o vento arraste para o coração de outro.

Preciso novamente aprender a caminhar,
sinto que estou vivo, um pouco ao menos,
meus passos se perdem pelo medo,
sem saída grito um nome, todos menos o seu.

Preciso voltar a ser segredo de algum amor,
sentir o corpo nu, a febre queimando por dentro,
as luzes que vêm antes do gozo puro e simples,
quero um pacto de amor, até quando for amor.

28/03/2005
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 20/03/2005
Código do texto: T7150
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116052 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/16 04:10)
Caio Lucas