Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
REPENSANDO A VIDA!
_________________________________


O gosto é este entremeado de saudade!

Sem tempero,

pois é natural!

Desumano!

O coração acelera,

dilacera,

enternece as vênulas numa permanente indagação se irá existir outra vez!

Têmpera que sofre!

Mudez!

Fuga!

Busca e encontro depois de tantas décadas sem gosto!

Gozo!...dessa lembrança que deve ser, também, sua depois de tanto amor!

©Balsa Melo

29.10.07

Brasília - Recife


BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 30/10/2007
Código do texto: T716948
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 08:42)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)