Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Memorial ao riso esquecido

Memorial ao riso esquecido
Sandra Ravanini
 

Caminha indene rasgando os risos de papel,
e secando o líquido, sopra o falto nanquim,
restos soltos ante o grafite do manequim,
pó untando o memorial à secura do pincel.


Afagar as asas e a face do frio marfim
esfarelando o giz no sorriso esquecido
de um anjo descorando o rastro umedecido,
apagando a cor de mim, burlando o próprio fim.


Indene, o cinza marfim rasura o próprio céu,
untando a máscara, caminha desde o início
rasgando os risos de papel num precipício
grafitando a face esquecida do mausoléu.


Memorial ao riso incontido espalhando a mó
às poeiras dos papéis no jazigo da estante,
se agora o branco segue quão branco como antes,
o manequim quebra o giz e, in memoriam, vai só.

01/07/2007
13h34

Sandra Ravanini
Enviado por Sandra Ravanini em 31/10/2007
Código do texto: T717543

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Sandra Ravanini / www.recantodasletras.com.br/autores/sandraravanini). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sandra Ravanini
Campinas - São Paulo - Brasil, 53 anos
161 textos (7172 leituras)
21 áudios (625 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 15:50)
Sandra Ravanini