Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Imaginação

Já é madrugada,
A quietude um tanto perturbadora,
O vazio da solidão
É preenchido, pelo singelo brilho das estrelas,
Envolve-me o silêncio,
Tudo torna-se suave,
Imaginação leve e solta,
Flutuo em uma nuvem
Buscando você.
A lua derrama-se
Em cascatas prateadas,
Banhando meu coração
Que palpita forte no meu peito,
No reencontro, com a deusa dos meus sonhos,
Quando chega o sono, com ele vem o sol,
Luz radiante em meus olhos
Ilumina-me a alma,
Meu Deus, já é de manhã,
A noite foi criança,
Parece-me que ainda agora
Era zero hora, eu pensava nela,
Já é cinco e ainda penso,
Em meus lábios um sorriso,
Ééé.. o tempo voa,
Nem senti a noite passar,
E ainda estou aqui
Murmurando o nome dela,
Fechan-se as pálpebras cansadas,
Apenas ouço, muito longe,
Os sussurros de um novo dia
Que desponta no horizonte.

Jeff Condol
Enviado por Jeff Condol em 31/10/2007
Reeditado em 31/10/2007
Código do texto: T718076
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jeff Condol
New York - New York - Estados Unidos
802 textos (112100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 03:12)
Jeff Condol