Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONFORTO

Insepultos ficaram meus sonhos vários,
Espectros de meu passado já tão distante,
Fantasmas meus que vagueiam solitários
E que sinto ressurgirem a cada instante.

Por certo que,  perdidos noutra esfera,
Numa outra dimensão inatingível,
São apenas restos tristes de uma  era
Que tentei deixar num canto esquecível.

Pedaço d’alma que ainda sobrevive
Há tanto tempo, que o tinha como morto,
Pobre sonho, meu fantasma, que já tive,
És agora a minha paz e o meu conforto.
mreno
Enviado por mreno em 20/03/2005
Código do texto: T7182
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
mreno
Itajubá - Minas Gerais - Brasil
37 textos (1813 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/16 17:31)