Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EU E O QUE SOU

Não sou nada
Nem tampouco o nada
Sou simplesmente eu
Cheio de erros e acertos
Repleto de vontades e desejos
Mas nunca seguindo a manada
Não sou nada
E nem sonho em ser tudo
Preciso ser eu mesmo
E não uma imagem forjada
Como essas pessoas
Que não são e nunca serão
Aquilo que demonstram ser
E na verdade não são nada
Não sou nada
E adoro ser o que sou
Quando sei o que quero ser
Um ser que nada é
Mas que sabe ser um grande ser
Sem hipocrisia ou mediocridade
Sem necessidade de quer aparecer
Sendo apenas um simples ser
Sem manias de a tudo querer
Esses excessos de vaidade
Hoje a tudo contamina
Nada como a verdade
Contra essa veleidade
Contra esse entorpecer

 Leilson Leão


Leilson Leão
Enviado por Leilson Leão em 03/11/2007
Código do texto: T722044
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leilson Leão
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil, 51 anos
950 textos (70322 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 09:57)
Leilson Leão