Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aprisionada Nas Próprias Crises

É possível que reacenda a esperança
numa melodia que me possa reconstruir.
Em meu imaginário, cresce a força,
a perseverança, a vontade, o desejo
e a continuidade da jornada,
do caminhar, do ir.

Com isso minhas angústias,
minhas crises, frustrações e dificuldades
ficam mais passíveis de enfrentar.
A realidade é hoje temerosa demais.
Tenho medo dela e de muito, muito mais.

Quero em mim a bondade, a resignação.
Quero agora levar o meu espírito a avançar,
correr para frente. Não quero mais ficar
aprisionada em minhas próprias crises.

Quero me opor a elas
e ser uma mensageira fascinante
que traz consigo a abertura,
a descoberta do universo
dos sentimentos, do próprio Eu.

Se isso pelo menos eu conseguir ser,
então tudo já valeu a pena.
Mesmo o silêncio que recebo
e aquele que gostaria de fazer...
Maria
Enviado por Maria em 04/11/2007
Código do texto: T722800
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4731 textos (191808 leituras)
1 e-livros (113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:17)
Maria

Site do Escritor