Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudade


Se saudade matasse
Não chegaria esta poesia
Talvez em algum dia da semana
Saberia que estava morto

Sendo assim sentiria saudade

Se saudade matasse
Estaria também morta
Talvez algum dia da existência
Alguem poderia ler esse poema

Sendo assim sentiria saudade

Mas a saudade não mata
Desafia
A viver por viver
Enquanto não  se mata a saudade
A saudade finge que mata

Apressados são aqueles
que a saudade instantânea matou

Sendo assim o que é a saudade?
Sentimento divino?
Pena capital para os amantes?
Preço de um sentimento burguês?

A saudade não é um sentimento
Não é o amor de Romeu e Julieta

A saudade é o veneno.





Fábio Marfê
Enviado por Fábio Marfê em 05/11/2007
Código do texto: T723917
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Marfê
São Luís - Maranhão - Brasil
164 textos (4273 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 08:22)
Fábio Marfê