Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Folhas de Bosque

Arranhe um disco e olhe para um espelho

um copo de café te faz trabalhar
um remedio noturno te tira os sonhos

de metrôs a fotos coloridas
tudo pode sair de uma cortina branca
desde que não sejam humanos
humanos não são poeticos

A mancha de naquim se espalha,e você vê a boneca entre tres velas,a forma das sombras são vagas,e a cortina...branca

Arranhe um disco e olhe para um espelho

chute uma porta,coma merda,fale com plantas,corra de um cachorro,tome no cu,beije sua irmã imaginaria,aplauda a tv
Arranhe um disco

Andar por um bosque decifrando folhas,umas sorriem outrasse escondem
Quebrar suas asas te impede de voar
quebrar suas asas te impede de voar?
Morder os dedos te faz sangrar
e a cortina-branca,amarela,arranha o disco

Olhe para um espelho
veja o que perdeu.
Ramones (Silvio Romão)
Enviado por Ramones (Silvio Romão) em 05/11/2007
Código do texto: T724090
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ramones (Silvio Romão)
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 31 anos
26 textos (1154 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 02:57)
Ramones (Silvio Romão)